Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
LEITURA, AQUISIÇÃO E EMPRÉSTIMOS DE LIVROS: ANÁLISE DO ACERVO DA BIBLIOTECA REGIONAL DE RONDONÓPOLIS A PARTIR DAS DEMANDAS DE CURSOS DO CÂMPUS UNIVERSITÁRIO
Aura Santana Campos Silva

Última alteração: 19-09-19

Resumo


O tema central desta pesquisa é demanda, aquisição e empréstimo do acervo da Biblioteca Regional do Câmpus Universitário de Rondonópolis. Está vinculada ao Grupo de Pesquisa Alfabetização e Letramento Escolar (ALFALE), do Programa de Pós-Graduação em Educação, do Instituto de Ciências Humanas e Sociais, da Universidade Federal de Mato Grosso - Câmpus Universitário de Rondonópolis (PPGEdu/CUR/UFMT), na linha de pesquisa: Linguagens, Cultura e Construção de Conhecimento: perspectivas histórica e contemporânea.  O estudo aqui apresentado é relevante e pertinente no contexto e momento em que as últimas políticas públicas impostas pelo governo federal vêm reduzindo e contingenciando cada vez mais o orçamento da Educação, afetando o cumprimento seu papel como instituição pública, gratuita e de qualidade, pautada no tripé ensino, pesquisa e extensão. Partindo do princípio de que a leitura tem um papel fundamental em nossas vidas, durante a formação acadêmica, a exigência de leituras é ainda maior e por isso a biblioteca universitária se constitui como um espaço de suporte relevante e fundamental ao ensino, pesquisa e extensão. Desta forma, o planejamento institucional se torna uma ferramenta indispensável para que os gestores adequem a biblioteca para que ela desempenhe com eficiência seu papel de suporte aos usuários, oferecendo-lhes espaço físico adequado, acervo de qualidade e atualizados, internet, computadores. O Câmpus conta hoje com dezenove cursos de graduação, seis mestrados e cinco especializações. Ressalta-se que a comunidade acadêmica apresenta um número considerável, contando com duzentos e noventa e nove docentes, oitenta e cinco técnico-administrativos, cento e três servidores terceirizados, cerca de três mil e oitocentos discentes além da comunidade em geral.  Considerando o quantitativo de cursos, definiu-se por pesquisar um curso por Instituto e que tenha o Projeto Político Pedagógico – PPCs vigente há mais de um ano e para os relatórios o período definido foi de 30/09/2018 a 31/08/2019. Tendo em vista a abrangência dos cursos, foi considerado como critério para uso do acervo, o fluxo de empréstimo, embora não se desconsidere a possibilidade de que os acadêmicos façam uso do material da consulta e leitura no próprio espaço da Biblioteca. Quanto aos objetivos, envolve uma pesquisa exploratória, quanto a natureza, optou-se por combinar a pesquisa qualitativa com a pesquisa quantitativa no momento de coleta de dados, integrando-as no momento da interpretação desses dados, uma vez que os pontos fortes de um método complementam os pontos fracos do outro método. Foi tomada a Biblioteca do Câmpus como estudo de caso e a análise documental são os relatórios extraídos da base de dados da biblioteca, as últimas aquisições de livros, bem como as bibliografias básicas de no máximo cinco disciplinas dos cursos definidos. Posteriormente serão realizadas as entrevistas semiestruturadas com coordenadores ou ex-coordenadores que participaram da última elaboração do PPC e a gestora da Biblioteca. Portanto, a pesquisa encontra-se em fase de análise de dados entre os relatórios extraídos da biblioteca e as bibliográficas básicas. E como resultados parciais, apresento o quantitativo de total de títulos: 24389; total de exemplares: 75426; títulos mais emprestados: 4722; títulos nunca emprestados: 9738 de um total de 15227 exemplares.


Palavras-chave


Biblioteca, Leitura, Planejamento institucional