Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
CONCEITO DE “PRÁXIS” NO FAZER PEDAGÓGICO DO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL DE RONDONÓPOLIS/MT
LUIZ HENRIQUE RANGEL MAGALHÃES, EGLEN SILVIA PIPI RODRIGUES

Última alteração: 19-09-19

Resumo


RESUMO: O instrumento que pode transpor o obstáculo da “ação antidialógica” na educação é a ação pedagógica em promover transformações e liberdade em nós e nos outros. Nesta perspectiva de ação, há a necessidade de se refletir sobre a realidade social complexa dos alunos dos anos iniciais do ensino fundamental, na qual agem e se encontram inseridos, para que a escola não produza um ensino desvinculado da realidade, sem criticidade. Diante disso, o estudo desta pesquisa, é um trabalho investigativo, de caráter qualitativo, que busca analisar por meio da metodologia de investigação comunicativa, “qual o conceito de “práxis” no fazer pedagógico do professor de Educação Física nos anos iniciais do ensino Fundamental de Rondonópolis/MT’? Pretende-se a partir Desta questão de pesquisa, compreender a concepção de “práxis” presente no cotidiano do professor de Educação Física dos anos iniciais do ensino fundamental de Rondonópolis-MT. Nesta direção, a temática em estudo estará sinalizada em três eixos, destacados nos seguintes objetivos específicos: 1) descrever a concepção de práxis do professor de Educação Física em relação ao seu fazer pedagógico; 2) compreender a relação do professor de Educação Física no contexto do trabalho pedagógico da escola; 3) analisar qual o pensamento pedagógico desses professores e professoras acerca da Educação Física. A fundamentação teórico-metodológica escolhida diz respeito ao conceito do sociólogo alemão e filósofo Jürgen Habermas por meio da Teoria da Ação Comunicativa e na teoria da Ação Dialógica do educador brasileiro Paulo Freire. Todo levantamento informacional será realizado conforme os postulados metodologia de investigação comunicativa que, estabelece uma comunicação crítica, entre pesquisador e participante, voltada para o entendimento. Os procedimentos metodológicos serão realizados de forma que permitam à observação comunicativa e entrevistas em profundidade, subsidiados pelos teóricos escolhidos que contribuirão para com as análises das informações obtidas; possibilitando identificar as concepções e as futuras práticas pedagógicas dos professores e professoras de Educação Física dos anos iniciais do ensino fundamental de Rondonópolis/MT, ou seja, de como estes professores e professoras entendem o processo pedagógico no âmbito da Educação Física. Nesse ínterim, este trabalho empenha-se em esclarecer a importância da prática pedagógica no processo de aprendizagem dos educandos e educandas, dos anos iniciais do ensino fundamental e propor a formação permanente para uma reflexão que direcione a práxis (Freire) na perspectiva da racionalidade comunicativa entre professores e professoras (Habermas). Deve-se construir um novo olhar sobre a questão da práxis do fazer pedagógico levando em conta as faixas etárias e o desenvolvimento do organismo e da personalidade do educando e da educanda para que se justifique a presença da Educação Física na escola como componente integrado e contextualizado à proposta curricular das unidades escolares.  Portanto, a intenção é provocar e orientar interações onde todos os envolvidos no processo de aprendizagem construam ações dialógicas e ações comunicativas para a promoção de todo trabalho docente, bem como do processo educativo.
Palavras-chave: Educação Física, Dialogicidade, Ação Comunicativa