Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
A invisibilidade do analfabetismo brasileiro
ANDREIA BATISTA COELHO, Eglen Silvia Pipi Rodrigues

Última alteração: 23-09-19

Resumo


Esta pesquisa bibliográfica busca discutir a problemática da naturalização do analfabetismo no Brasil, a partir de uma perspectiva da Teoria Crítica, antirracista, dialógica e emancipatória da linguagem. A questão de pesquisa aqui apresentada é a seguinte: Por que o analfabetismo se “naturalizou” no contexto nacional? Para tanto o objetivo deste estudo investigativo visa compreender e analisar as causas que geram a marginalização de uma grande parcela da população brasileira em relação ao direito social de educação. Vislumbra-se apresentar convergências e possibilidades de construção de um olhar descolonizador do saber e do poder para a promoção da justiça social conforme os Direitos Humanos.


Palavras-chave


Analfabetismo de Jovens e Adultos; Políticas Públicas; Ação Dialógica; Teoria da Ação Comunicativa.