Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
ORQUESTA EXPERIMENTAL DE INSTRUMENTOS NATIVOS DE LA PAZ: AMÁLGAMA DE BAMBU
Glaucos Luis Flores Monteiro

Última alteração: 12-10-19

Resumo


Esta pesquisa, concluída, propôs examinar de forma interdisciplinar o funcionamento de uma ensemble específica, a Orquesta Experimental de Instrumentos Nativos (sediada na cidade de La Paz, na Bolívia). Analisou mais especificamente a trajetória artística-social do fundador dessa orquestra, o compositor Cergio Prudencio, e suas relações com o pensamento decolonial – de acordo com as definições de Anibal Quijano, Walter Mignolo e outros. A fonte primária da pesquisa reside em uma etnografia iniciada em agosto de 2017, no Programa de Residencias de Composición 2017, realizando intensas atividades junto à OEIN. A análise científica – que dialoga com autores como Coriun Aharonián, Cergio Prudencio, Juan Pablo González, Ximena Sologuren, entre outros – parte da interlocução do pensamento decolonial com as ideias de cosmovisão andina, da musicologia com a poética, para uma reflexão sobre educação e propostas musicológicas contemporâneas em nosso continente.

Palavras-chave


Decolonialidade; Música boliviana; Educação musical; Etnomusicologia; Interdisciplinaridade.