Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
Efeito alelopático de Himatanthus obovatus (Müll. Arg.) Woodson em sementes de alface (Lactuca sativa L.)
Sharmely Hilares Vargas, Elisangela Clarete Camili, Maria de Fátima Barbosa Coelho, Amanda Ribeiro Corrêa, Ana Mayra Pereira da Silva

Última alteração: 06-10-19

Resumo


Himatanthus obovatus é uma das espécies arbóreas do Cerrado que perde todas as folhas no período seco deixando o solo coberto por serrapilheira. Objetivou-se estudar o potencial alelopático de extrato foliar aquoso da espécie Himatanthus obovatus- Apocynaceae, mediante bioensaios de germinação e crescimento inicial de alface. Foram utilizadas soluções do extrato realizado a partir de 50 g de folhas frescas e 500mL de agua destilada fria em diferentes concentrações (0, 25, 50, 75 e 100%). O experimento foi em delineamento inteiramente casualizado com cinco tratamentos (concentrações) e quatro repetições de 25 sementes de alface cada, colocadas em germinador tipo BOD a 20°C com fotoperiodo de 12 h por 7 dias. Os extratos foram caracterizados por quanto ao pH e potencial osmótico (PO). Avaliou-se a porcentagem de germinação e de plântulas anormais, índice de velocidade de germinação (IVG), o comprimento radicular e da parte aérea, massa seca das plântulas e o índice de resposta do efeito alelopático (IR). Não foi observado efeito inibitório na porcentagem de germinação que variou entre 97 e 99% nos tratamentos. O IVG e a porcentagem de plântulas anormais não apresentaram diferença significativa em relação ao controle (0%). Para o comprimento da parte aérea e da raiz observou-se efeito inibitório explicado pelos modelos de regressão linear e quadrática respectivamente.  Já a variável IR tivera comportamento inversamente proporcional às concentrações, mostrando assim uma relação dose-dependente. Tanto o pH como o potencial osmótico dos extratos estiveram dentro dos parâmetros estabelecidos. Portanto, os extratos aquosos de folhas de H. obovatus apresentam efeito alelopático sobre o desenvolvimento de plântulas de alface, e as concentrações de 75 e 100% reduziram drasticamente o comprimento da raiz.


Palavras-chave


bioensaios;germinação; extrato aquoso; fitotoxicidade;pau-de-leite