Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
REDES DE COOPERAÇÃO: UMA ANALISE DO PERFIL ECONOMICO REGIONAL E AS POLITICAS PUBLICAS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS NOS ASSENTAMENTOS DA CIDADE DE CLÁUDIA
barbara tairine campos

Última alteração: 08-10-19

Resumo


As atividades e operações do agronegócio são fundamentais para o suprimento de alimentação mundial, entretanto o aumento da produção quanto o aumento da população possui necessidades interdependentes, em quem o aumento da produtividade agrícola se constitui no continuo desafio, tendo em vista a lacuna entre o crescimento populacional e a produção de alimentos no mundo.

A agroindústria familiar surgiu com objetivo de agregar valor e promover à sustentabilidade as pequenas propriedades familiares. Como qualquer sistema de produção, a estrutura agroindustrial familiar brasileira incorpora e cria novas formas de atuar, conforme a dinâmica sócio econômico da região em que estão inseridas, bem como do ambiente global, outra característica de tal modelo se trata da sua capacidade de gerar empregos, e distribuir renda, tendo como consequência o desenvolvimento regional.

Pode-se notar uma carência quando falamos de agricultura familiar, e a agroindustrialização envolvendo a produção familiar no que tange aos resultados da gestão das políticas públicas econômico-financeiras desenvolvidas para este setor, tanto para as famílias envolvidas nesse processo, como para a região que está inserida, apesar de já terem sido realizadas pesquisas com intuito de estudar o desenvolvimento dessas organizações, bem como gerar estratégias para sustentabilidade, sobrevivência e inserção social nas economias regionais e consequentemente globais.

Diante disso, o projeto de pesquisa concentra-se na seguinte problemática: As Políticas Publica, utilizadas nas Redes de Cooperação dos Assentamentos Localizados na cidade de Claudia, possuem as informações necessárias quanto ao perfil econômico, para o desenvolvimento de atividades agrícola da região, de forma que assegure a sustentabilidade econômica das famílias abrangidas por essas Redes?

Desta maneira, o estudo possui o objetivo de desenvolver uma análise visando a relação das redes de cooperação dos assentamentos localizados no município de Cláudia –MT, assim como, entender sua formação e desenvolvimento, se elas se dão em estruturas formais, ou informais, o incentivo do poder público como forma de fomentar tais redes.

Sendo assim será realizado um diagnóstico das estratégias das políticas públicas utilizadas nos dois últimos anos, nas redes de cooperação familiar dos assentamentos adotada pelos agentes gestores e das associações organizadas das redes produtivas, por meio de entrevistas, questionários, dados secundários, etc. Como forma de obter os fatores de sucesso ou insucesso dessas, e se essas estão sendo capaz de fomentar agroindústrias. Após será efetuado um debate frente ao levantamento teórico e prática diagnosticada das estratégias das Políticas Públicas que subsidiam a sustentabilidade das Redes de Cooperação Familiar dos Assentamentos Localizadas na cidade de Cláudia. Apresentar as Políticas Públicas utilizadas nas redes estudadas, e os resultados obtidos no período de 2017 a 2018 e aduzir outras estratégias em outras experiências, do mesmo setor, baseada na literatura abordada.

Averiguando assim se As Políticas Publica, utilizadas nas Redes de Cooperação estudada, possuem as informações necessárias de forma que assegure a sustentabilidade econômica das famílias abrangidas por essas redes.

 

 


Palavras-chave


Assentamentos; Politicas Publica; Redes de Cooperação.