Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
Panorama sobre a formação continuada de profissionais em Educação Física atuantes em academias de ginásticas de Cuiabá e Várzea Grande
Flavio Ramos De Mattos, José Tarcísio Grunennvaldt

Última alteração: 01-10-19

Resumo


A presente pesquisa tem como foco investigar como tem se dado a formação continuada dos profissionais de Educação Física das academias de Ginástica de Cuiabá-MT. Compreendendo que a formação inicial não basta para que o sujeito professor se veja como um indivíduo acabado em seus conhecimentos, tal como a formação continuada o instrumentaliza (ou assim se espera) para que tenha sua prática pedagógica pautada em criticidade e reflexão das ações que as permeiam, identificar como tem se dado a formação continuada dos profissionais de Educação Física das academias de ginástica de Cuiabá-MT se apresentou como uma possibilidade que, talvez, nos viabilize a compreensão dos conceitos e ações assumidas pelos sujeitos sobre a realidade que estão inseridos. Foram selecionadas academias de Cuiabá e Várzea Grande de forma não-probabilística intencional, na qual o critério de inclusão adotado foi que a academia deveria ser uma unidade de alguma rede de academias de ginástica a nível nacional e/ou internacional franqueada. Foram identificadas seis academias que se encaixaram nos critérios de inclusão. O primeiro contato realizado foi com o responsável pela unidade a fim de apresentar os objetivos da pesquisa e esclarecer os procedimentos éticos. Das seis unidades contatadas, apenas uma unidade recusou-se a participar da pesquisa, totalizando 5 academias de ginástica. Para as academias que aceitaram participar do estudo, foi entregue a Declaração de Autorização de Pesquisa na academia para que os responsáveis assinassem.  Puderam participar dessa pesquisa todos os profissionais de Educação Física formados da instituição, independente do cargo ou função desempenhada na unidade. Somando as 5 academias, foi levantado um total de 39 profissionais de Educação Física atuantes, dos quais 26 aceitaram participar da pesquisa. A partir das respostas dos sujeitos e com os dados ainda em tratamento, a primeiro momento puderam ser identificadas características verticalizadas no processo da formação continuada dos profissionais, uma vez que seus sua busca parecem pautar-se na permanência destes sujeitos nos espaços que se inserem profissionalmente, não estando atrelados a um processo reflexivo, mas sim do acumulo de capital dentro das funções exercidas no processo de progressão da carreira. Em outras respostas a presença do desejo de qualificação profissional para auxiliar os alunos a atingirem uma autoestima e autoimagem melhor também aparece. A priori os dados obtidos ainda estão sendo discutidos e analisados na pesquisa, a fim de estabelecer nexos entre os objetivos e então formular análises teóricas sobre as ações dos sujeitos pesquisados e compreender como tem se dado a formação continuada dos profissionais em Educação Física das Academias de Ginástica de Cuiabá que até o momento aparenta estar ligada a obtenção te certificados e titulações para melhoria dos aspectos financeiros.

 


Palavras-chave


Formação de professores; Formação continuada; Educação Física