Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
EFEITO DO BASQUETE EM CADEIRA DE RODAS NA QUALIDADE DE VIDA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA FÍSICA
Benedito Robson Monteiro de Andrade, Carlos Alexandre Fett

Última alteração: 04-10-19

Resumo


RESUMO

Introdução: As pessoas com deficiências físicas têm a sua qualidade de vida piorada ao enfrentar diversas barreiras como transporte inadequado, dificuldades ao acesso a serviços de saúde, educação e emprego. Porém, uma das formas de contribuir para melhora da qualidade de vida dessa população é com a prática de esportes. Objetivo: Avaliar o efeito do basquete em cadeira de rodas sobre a qualidade de vida das pessoas com deficiências físicas. Método: Estudo experimental longitudinal, com seguimento de 12 meses de treinamento de basquete em cadeira de roda. Serão selecionadas pessoas com deficiências físicas em cadeira de rodas, que residem no perímetro urbano de Cuiabá-MT, sendo 48 indivíduos do sexo masculino, alocados em grupo basquete em cadeira de rodas (n= 24) e grupo controle (n= 24). O grupo intervenção realizará 2 horas de treino, duas vezes por semana, o protocolo será divido em aquecimento, fundamentos técnicos, táticos próprios do esporte e alongamento. O grupo controle não realizará a intervenção. A qualidade de vida será avaliada pré e pós treinamento pelos questionários da OMS: Quality of Life Scale- WHOQOL-Dis e Quality of Care Scale- QCS, ambos para pessoas com incapacidade física e intelectual. Será realizada uma análise descritiva dos dados, delta, média, desvio padrão e percentuais. Resultados esperados: Espera-se se que o treinamento em basquete cadeira de rodas para pessoas com deficiências físicas melhore os indicadores de qualidade de vida, propostos no presente estudo.

Palavras chaves: Esporte, Saúde e Acessibilidade


Palavras-chave


esporte, saúde, acessibilidade