Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
Absenteísmo no trabalho e suas relações com nível de atividade física, perfil antropométrico e percepção do estresse em professores da rede municipal de Educação de Cuiabá
Rogério Mariano Miranda, Sílvia Ribeiro Araújo

Última alteração: 04-10-19

Resumo


O trabalho é um conjunto de atividades que o ser humano desempenha para obter seu sustento e de sua família, mas também para obter uma realização pessoal e profissional. O ser humano passa aproximadamente um terço da sua vida no trabalho, e as experiências vivenciadas seja ela de natureza física, psicológica ou social podem ultrapassar os limites do ambiente de trabalho e afetar outros domínios da vida do indivíduo. A rotina a que professores da rede pública de ensino estão expostos, como jornada de trabalho elevada, nível de atividade física aquém do necessário e alimentação não equilibrada, favorece ao acometimento de algumas doenças e um número elevado de afastamentos. Pela importância social que este profissional exerce torna-se extremamente importante avaliar o nível de atividade física, perfil antropométrico e percepção de estresse em professores da rede municipal de educação e sua relação com o índice de absenteísmo. Pesquisa quantitativa descritiva, que compreende uma etapa de levantamento e outra fase correlacional. Serão descritas as características e percepção de uma população específica de professores da rede municipal de Educação, do município de Cuiabá. Serão avaliados professores da rede pública municipal de Cuiabá de ambos os sexos, efetivos, que atuam nas unidades de ensino e que não estejam em estágio probatório. Para determinar a população será realizado um cálculo amostral n=N Z² p (1-p)(N-1) e² + Z² p (1-p). Os voluntários que concordarem em participar da pesquisa assinarão um termo de consentimento livre esclarecido (TCLE), e serão submetidos a uma avaliação antropométrica. Logo em seguida serão convidados a responderem questionários referentes ao nível de estresse no trabalho e nível de atividade física. Para avaliação antropométrica será realizado os seguintes protocolos: estatura (cm), peso corporal (kg) para o cálculo do Índice de Massa Corporal e perímetro da cintura (cm) e perímetro do quadril (cm), para a Relação cintura quadril. O IMC será determinado por meio da divisão da massa corporal total, expressa em quilograma (kg), pela estatura ao quadrado, expressa em metro (m) ao quadrado (kg/m²). A massa e a estatura corporal serão mensuradas pelo mesmo avaliador em balança digital Tanita e estadiômetro Sanny. A mensuração da percepção de estresse será feita através Escala de Estresse no Trabalho – Job Stress Scale.  A versão validada e adaptada para o português do Job Stress Scale. Para avaliação do nível de atividade física será utilizado o Módulos de atividade física no lazer e no deslocamento da versão longa do IPAQ, (Questionário de atividade física habitual de Baecke). Será utilizado um questionário para coletar os dados pessoais e demográficos dos sujeitos (idade, sexo, estado civil, número de filhos, classe ocupada na carreira ocupacional, unidade de ensino, departamento de lotação, título acadêmico, tempo de serviço na rede). Será realizada a análise estatística descritiva dos dados por meio de média e desvio padrão e a correlação de Pearson (p ≤ 0,05). Os dados estão em fase de coleta, não sendo possível a publicação de dados parciais.

 

 


Palavras-chave


professores;atividade física;nível de estresse