Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
INFLUÊNCIA DA SAZONALIDADE CLIMÁTICA NA ESTIMATIVA DOS COFICIENTES DE ANGSTRÖM-PRESCOTT NO BIOMA AMAZÔNICO
Charles Campoe Martim, Adilson Pacheco Souza

Última alteração: 15-10-19

Resumo


Objetivou-se avaliar a influência da sazonalidade ao longo dos meses no bioma amazônico sobre a calibração e validação da equação de estimativa da radiação global de Angström-Prescott. Foram selecionadas 20 estações meteorológicas que possui a insolação (n) inseridas no bioma amazônico brasileiro, onde os dados foram agrupados em uma única base, e separados 70% para calibrar e 30% para validar o modelo. O modelo de Angström-Prescott (Qg/Qo = a + b (n/N)) foi ajustado pela radiação global diária (Qg) e insolação (n) medidas nas estações automáticas e convencionais, a radiação no topo da atmosfera (Qo) e o fotoperíodo (N) foram estimadas com base na equação proposta por ALLEN et al., (1999), e os coeficientes linear (a) e angular (b) foram ajustados. A transmissividade atmosférica (Kt) foi calculada pelo produto da radiação medida na superfície terrestre pela radiação no topo da atmosfera, já a razão de insolação (n/N) foi o produto da insolação pelo fotoperíodo. A transmissividade atmosférica e a razão de insolação apresentaram uma relação direta ao longo dos meses, onde os menores valores foram medidos no início e final do ano com 44 e 37% em fevereiro e os maiores com 57 e 70% em julho, o que significa um aumento de 13% na transmissividade e 33% na razão de insolação nos meses que compreende a estação seca da região (junho, julho e agosto) em função da baixa nebulosidade da região. De janeiro a dezembro os coeficientes linear (a) foram de 0,2642; 0,2680; 0,2657; 0,2752; 0,2750; 0,2811; 0,2702; 0,2696; 0,2730; 0,2760; 0,2822 e 0,2710 e coeficiente angular (b) de 0,4559; 0,4563; 0,4721; 0,4378; 0,4351; 0,4226; 0,4360; 0,4295; 0,4217; 0,4289; 0,4195 e 0,4410 respectivamente. Sendo assim, a transmissividade e a razão de insolação apresentaram uma alta variabilidade ao longo dos meses, o que influenciou diretamente na estimativa dos coeficientes da equação de Angström-Prescott.


Palavras-chave


modelo simplificado, insolação, radiação solar.