Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
Mineral orgânico na alimentação de poedeiras comerciais criadas em sistema Cage-free
Nayara Emanoelle Matos e Silva

Última alteração: 08-10-19

Resumo


O experimento será conduzido no galpão para galinhas poedeiras da Fazenda Experimental de Zootecnia e Agronomia da Universidade Federal de Mato Grosso - Campus Cuiabá, localizada no município de Santo Antônio do Leverger – MT, com total de 84 dias divididos em três períodos de 28 dias. O delineamento utilizado será o inteiramente casualizado com 4 tratamentos, sendo: Ração controle com 100% Calcário Calcítico; Ração com 80% Calcário Calcítico + 20% Calcário a base de Lithothamnium sp. farelado; Ração com 80% Calcário Calcítico + 20% Calcário a base de Lithothamnium sp. em pó; Ração com 80% Calcário Calcítico + 10% Calcário a base de Lithothamnium sp. farelado + 10% Calcário a base de Lithothamnium sp. em pó. Serão utilizadas 448 aves da linhagem comercial Novogen Brown com 18 a 30 semanas de idade, com 8 repetições, totalizando 32 unidades experimentais, com 14 aves em cada. As dietas experimentais serão formuladas à base de milho e farelo de soja para atender às recomendações nutricionais de acordo com o manual da linhagem Novogen Brown, com as rações prontas será realizada a análise bromatológica das rações. Durante o experimento serão avaliados parâmetros de Desempenho das aves: Ganho de peso g/ave/dia (GP), Consumo de ração g/ave/dia (CR), Conversão alimentar (CA), Conversão alimentar por dúzia de ovos (CADO), Conversão alimentar por massa de ovos (CAMO), Viabilidade das aves (VA) e Produção de ovos (PO) e Qualidade interna e externa dos ovos: Gravidade especifica (GE), Peso médio dos ovos (PMO), Unidade Haugh (UH), Índice de gema (IG), Peso dos componentes gemas, cascas e albumens (PC/g), Porcentagem dos componentes gemas, cascas e albumens (PC/%), Espessura de Casca (EC) e Analise de cálcio da casca do ovo (CCO). O objetivo do presente trabalho é avaliar as características de desempenho produtivo, qualidade interna e externas de ovos provenientes de aves criadas em sistema Cage-free e alimentadas com substituição parcial de calcário calcítico por calcário a base de algas marinhas (Lithothamnium sp.). As hipóteses que podem ser encontradas são a melhoria do desempenho, qualidade interna e externa de ovos provenientes da utilização de calcário a base de algas marinhas ou nenhuma diferença significativa com a utilização do mesmo.


Palavras-chave


Lithothamnium sp., ovos, qualidade