Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
Aspectos clínico-epidemiológicos da Diarreia viral bovina em touros criados sob sistema de confinamento em mato grosso.
MAYCON JUNIOR HEIDMANN

Última alteração: 09-10-19

Resumo


O Complexo das doenças respiratórias de bovinos é uma importante enfermidade principalmente para criações intensivas e animais jovens. Sua etiopatogenia é complexa e composta de vários fatores ambientais que aliados a agentes infecciosos virais e bacterianos acabam suprimindo e sobrecarregando o sistema imunológico do animal. A Diarreia Viral Bovina (BVDV), causadora da Doença das Mucosas, é uma das principais doenças de bovinos que causa altas perdas econômicas na cadeia produtiva. O vírus da diarreia viral bovina é responsável por uma ampla variedade de sinais clínicos, podendo produzir alterações em diversos sistemas no organismo animal. Os sintomas da doença podem ser caracterizados por uma infecção subclínica ou inaparente ou uma infecção aguda. A severidade da doença depende de uma série de fatores que incluem a cepa viral, status imunológico do animal, status reprodutivo e a ocorrência de infecções secundárias. A sintomatologia pode variar em casos onde há infecção aguda em animais não prenhes, cursando a maioria das vezes como assintomática ou de sinais leves, com alta morbidade e baixa mortalidade ou infecção aguda de animais prenhes provocando transtornos reprodutivos e de desenvolvimento de crescimento, dando origem ao animal persistentemente infectado. Além de causar depressão do sistema imunológico, os sinais clínicos mais evidentes da doença aguda são febre transitória, depressão, anorexia, inapetência, diarreia leve, descargas óculo nasais, salivação, erosões e ulcerações orais. Vários estudos feitos em rebanhos brasileiros demonstram a prevalência do vírus da diarreia viral bovina, o objetivo da pesquisa é identificar a presença dos agentes infecciosos em animais criados sob o sistema de confinamento em Mato Grosso. De acordo com resultados já obtidos, no que tange ao diagnóstico sorológico da Diarreia Viral Bovina nos animais do estudo, 62% dos animais apresentavam soropositividade frente à técnica de vírusneutralização.

Palavras-chave


Complexo Respiratório Bovino; Diarreia viral bovina; Doença respiratória bovina.