Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
O PROCESSO DE EXPANSÃO URBANA E SEUS IMPACTOS: ESTUDO DA REGIÃO DO CHAPÉU DO SOL NA CIDADE DE VÁRZEA GRANDE - MT
Manoela Rondon Ourives Bastos, Cornelio Silvaano Vilarinho Neto

Última alteração: 10-10-19

Resumo


O ambiente urbano, entendido como uma organização social complexa regida pela incerteza e pela possibilidade construído pelo conjunto de relações que se estabelecem entre suas partes, não se restringe apenas às relações entre suas medidas e seus materiais. Como ele não vale por si próprio, seu valor ou significado surge em função das relações que estabelece entre o espaço e seus habitantes Variáveis sociais, econômicas, físico-espaciais e ambientais fazem parte desse complexo emaranhado de relações e demandas, o que requer habilidades de planejamento e gestão, de forma a gerar espaços urbanos democráticos, socialmente justos e com adequadas condições físico-ambientais.  O ordenamento territorial deve estabelecer critérios de ocupação e utilização do solo do município, tendo em vista o interesse coletivo sobre o particular, o cumprimento da função social da propriedade, os padrões de higiene e o bem-estar do cidadão. Deve também, orientar o crescimento da cidade, visando minimizar os impactos sobre áreas ambientalmente frágeis e incentivar o adensamento das áreas urbanizadas e próprias para ocupação.  Tendo em vista que o zoneamento é a divisão da área do perímetro urbano do município em zonas de características diversificadas, para as quais são definidos usos e parâmetros específicos de ocupação do solo, visando ordenar o crescimento da cidade de acordo com critérios urbanísticos, ambientais e culturais, o presente trabalho tem como objetivo geral fazer um levantamento bibliográfico sobre a evolução desordenada do perímetro urbano de Várzea Grande e verificar as consequências na qualidade de vida da população.


Palavras-chave


Cidade. Urbanismo. Geografia urbana.