Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
CORRELAÇÃO ESPACIAL ENTRE A CONDUTIVIDADE ELÉTRICA E ATRIBUTOS QUÍMICOS E FÍSICOS DO SOLO
Joaquim Pedro de Lima, Victor Silva Veiga, Onã da Silva Freddi

Última alteração: 15-10-18

Resumo


A agricultura de precisão tem como um de seus objetivos otimizar o uso de corretivos e fertilizantes através de um conjunto de técnicas e recursos tecnológicos de apoio ao gerenciamento dos sistemas de produção agrícola, possibilitando a economia de insumos e a preservação o meio ambiente. Uma das maneiras de se realizar tal atividade é através do uso de sensores de condutividade elétrica (CE), juntamente com a geoestatística, facilitando e reduzindo os custos da amostragem de solos. Os objetivos desse trabalho foram: I) Determinar a variabilidade dos atributos químicos e físicos e da condutividade elétrica do solo medida por sensor de contato direto. II) Determinar as correlações lineares e espaciais dos atributos químicos e físicos do solo com a condutividade elétrica. III) Realizar a krigagem dos atributos do solo e condutividade elétrica, assim como a cokrigagem dos atributos do solo em função da condutividade elétrica. O experimento foi conduzido na fazenda Ribeiro do Céu, situada no município de Nova Mutum. O solo do local é classificado como Latossolo Vermelho-Amarelo Distrófico, com textura franco argilo arenoso. Para isso instalou-se uma malha retangular com 46 pontos amostrais distribuídos em uma área de 226 hectares, nos quais se determinou os atributos físicos e químicos do solo na camada de 0-0,20 m e a CE nas camadas de 0 – 0,30 m (CE30) e 0,30 – 0,90 m (CE90). O Latossolo Vermelho-Amarelo Distrófico apresenta elevada variabilidade dos atributos físicos, químicos e da CE, visto que os coeficientes de variação dos atributos do solo e da CE foram superiores a 15%. Os teores de areia, argila e matéria orgânica foram os que apresentaram melhor correlação com a CE.  A cokrigagem dos atributos do solo em função da CE apresentou maior eficiência na predição de atributos físicos e químicos do solo.


Palavras-chave


Veris, Cokrigagem, Semivariograma Cruzado.