Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
O presenteísmo e a produtividade entre trabalhadores de enfermagem
Bruno Silva Santos, Marilia Duarte Valim

Última alteração: 03-10-18

Resumo


Introdução: o processo de trabalho da enfermagem expõe os trabalhadores a diferentes cargas de trabalho causadoras de desgaste físico e mental, responsável, por exemplo, pela perda de produtividade. Essa condição pode ser inerente ao presenteísmo, que por sua vez se caracteriza pelos trabalhadores que mesmo diante de problemas físicos ou mentais diretamente relacionados ao trabalho, permanecem exercendo suas atividades laborais, porém, com reduzida produtividade e desempenho. Dentro da equipe de enfermagem, esse fenômeno é considerado um problema contemporâneo e mal diagnosticado, podendo representar consequências graves e riscos para os trabalhadores, instituições e usuários do serviço de saúde. Objetivo: identificar o impacto do presenteísmo com a produtividade entre trabalhadores de enfermagem. Método: este estudo faz parte de um projeto de dissertação de mestrado que buscará investigar se existe relação entre o presenteísmo de trabalhadores de enfermagem e sua produtividade nas atividades laborais inerentes a prática desses profissionais da saúde. Trata-se de um estudo transversal, de abordagem quantitativa a ser desenvolvido em um hospital público do município de Cuiabá-MT. Fará parte da pesquisa, trabalhadores de enfermagem devidamente vinculados à instituição de saúde que servirá de campo para a tal investigação, com pelo menos 6 meses de experiência profissional. O projeto respeitará todos os preceitos éticos e legais vigente para pesquisa com seres humanos através da Resolução 466/2012 do Conselho Nacional de Saúde, e será submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa através da Plataforma Brasil para que haja sua apreciação e posterior aprovação. Os instrumentos para coleta de dados estão sendo avaliados na literatura, a fim de identificar aqueles que ofereçam as melhores condições de investigação para esse constructo. Resultados Esperados: espera-se identificar e analisar quais as possíveis relações que colocam o trabalhador nessas condições, e para investigar esse fenômeno, pretende-se caracterizar esses trabalhadores a fim de conhecer o perfil sociodemográfico dos mesmos, identificar situações de trabalho presenteístas e avaliar se existe relação dessa condição com a produtividade dos mesmos. A partir dessa investigação, propõe-se elaborar subsídios e estratégias que minimizem as situações que colocam o trabalhador de enfermagem em condições de presenteísmo, lançando mão de ações que sejam eficazes, que interfiram na mudança de comportamento desses indivíduos, envolva a gestão e que traga para as instituições novas possibilidades de condições de trabalho, sem deixar de oferecer um ambiente favorável para a atuação profissional e que garanta a saúde do trabalhador de enfermagem.


Palavras-chave


Presenteísmo; Produtividade; Saúde do Trabalhador; Trabalhador de Enfermagem.

Referências


Carvalho DP, Rocha LP, Tomaschewski-Barlem ELD, Cecagno D, Dalmolin GL. Productivity versus workloads in the nursing working environment. Rev Esc Enferm USP. 2017;51:e03301. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1980-220X2017028903301

Santos HEC, Marziale MHP, Felli VEA. Presenteeism  and musculoskeletal symptoms among nursing professionals. Rev. Latino-Am. Enfermagem. 2018;26:e3006. DOI: http:dx.doi.org/10.1590/1518-8345.21853006