Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
Crescimento e produção de cártamo sob disponibilidades hídricas e doses de cinza vegetal em ambiente protegido
Luana Glaup Araujo Dourado, Edna Maria Bonfim da Silva, Tonny José Araújo da Silva

Última alteração: 23-10-18

Resumo


A demanda mundial por fontes de energia tem impulsionado o cultivo de novas plantas oleaginosas para a produção de biodiesel. O cártamo (Carthamus tinctorius L.) vem sendo considerado uma cultura promissora para ser difundida no Brasil visando esta finalidade. Entretanto, a falta de conhecimentos básicos sobre o requerimento nutricional da cultura, necessidade hídrica e técnicas de cultivo, ainda são obstáculos para sua expansão. Visando uma alternativa de baixo custo para adubação e correção do solo, a utilização de cinza vegetal apresenta-se como uma opção ao uso de fertilizantes comerciais, pois dependendo de sua origem pode apresentar teores significativos de macronutrientes. Dessa forma, objetivou-se avaliar o efeito de doses de cinza vegetal e disponibilidades hídricas em Latossolo Vermelho do Cerrado no cultivo de cártamo. O experimento será realizado em casa de vegetação, na Universidade Federal de Mato Grosso, Campus de Rondonópolis. O solo utilizado será coletado em área de vegetação de Cerrado. O delineamento experimental será de blocos ao acaso, em esquema fatorial 5x5, com cinco disponibilidades hídricas (4, 8, 16, 32, 64 kPa) e cinco doses de cinza vegetal (0; 8; 16; 24 e 32 g dm-3), em arranjo fatorial fracionado 5² com base no composto central. As unidades experimentais serão confeccionadas com tubos de PVC de 20 cm de diâmetro e 30 cm de altura. Na altura de 15 cm serão feitos dois furos de 5 cm de diâmetro, com uma ferramenta do tipo serra copo, para instalação do tubo de acesso que permita o monitoramento da umidade do solo com a sonda de capacitância Diviner 2000®. A irrigação será realizada por gotejamento, com controle semiautomatizado. Será realizada a caracterização do crescimento e produção do cártamo através das seguintes variáveis: número de folhas, altura de planta, diâmetro de caule, índice de clorofila (índice SPAD), número de ramos primários, secundários e terciários, número de capítulos, massa seca da parte aérea, de capítulos, massa seca total de raiz, massa seca total, volume total de raiz, e eficiência no uso da água.  Além disso, serão avaliadas propriedades físicas do solo, como macroporosidade, microporosidade, porosidade total e capacidade de retenção de água. Os resultados serão submetidos a análise de variância e regressão, ao nível de até 5% de probabilidade, utilizando-se o programa estatístico SAS.


Palavras-chave


Carthamus tinctorius L., água disponível, oleaginosa