Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
DIAGNÓSTICO DO USO E GESTÃO DOS RECURSOS NATURAIS NO ASSENTAMENTO PADRE JOSIMO EM SÃO JOSÉ DO POVO, MATO GROSSO.
Juliana da Silva Reis de Jesus Reis de Jesus

Última alteração: 02-10-18

Resumo


A pesquisa tem como principal objetivo analisar a situação atual no uso e gestão dos recursos naturais no assentamento rural Padre Josimo Tavares em São José do Povo. Será levantada a percepção social de moradores na caracterização e organização espacial e o uso e a demanda dos recursos naturais como a flora, água, identificando-se a conservação e preservação dos recursos naturais. A degradação ambiental no Brasil e, em especial no Cerrado, decorrente da exploração da agropecuária tem mudado o seu perfil devido ao excesso de desmatamento, compactação do solo, erosão, assoreamento de rios, contaminação da água subterrânea e a perda da biodiversidade, com reflexos sobre o ecossistema. Os assentamentos rurais têm por finalidades orientar as ações para implantação, criação, consolidação do desenvolvimento, a fim de propiciar uma organização socioeconômica dos beneficiários. A metodologia baseia-se em uma pesquisa de pluralismo metodológico. O método fenomenológico-hermenêutico explorará a percepção para conhecer  a consciência do homem das relações entre ele e a natureza, como fonte de recursos naturais. O método dialético resgatará  a cultura  histórica do assentado no qual motivo se instalou no local abordando sempre a dinâmica sujeito e objeto no contexto inserido. A pesquisa bibliográfica será realizada a partir de levantamentos bibliográficos em livros, periódicos e em pesquisas on-line, visando buscar informações sobre os temas envolvidos. Os resultados iniciais mostram que os assentamento rurais carecem de serviços básicos como de assistência técnica, crédito rural e de infraestrutura econômica e social. Podemos destacar também que os recursos naturais são importantes para as atividades econômicas, mas é preciso praticar a questão da sustentabilidade para a conservação destes recursos naturais. A vegetação, o solo, o ar, a água são elementos essenciais para a natureza, e para o desenvolvimento da civilização e da comunidade em geral. Conclui-se que são graves os conflitos referentes à exploração de recursos naturais em assentamentos rurais, ou seja, o uso e a demanda dos recursos naturais passam a ser uma problemática nos assentamentos rurais, pois quanto mais se exploram esses recursos mais se fará falta futuramente. O uso e a demanda dos recursos naturais pelos assentados e a sustentabilidade passam a ser uma exigência para sobrevivência de biodiversidade e de seres humanos.


Palavras-chave


Assentamentos rurais, recursos naturais, sustentabilidade.