Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
CULTIVARES DE Brachiaria brizantha SUBMETIDAS A DISPONIBILIDADES HÍDRICAS DO SOLO
Camila Thaiana Rueda Silva

Última alteração: 26-10-18

Resumo


 

RESUMO: As cultivares de Brachiaria brizantha são caracterizadas pela alta adaptabilidade a condições edafoclimáticas adversas, sendo uma opção viável para aumento de produtividade em áreas susceptíveis a alagamento e seca prolongada. No entanto, é necessária uma caracterização quanto a escolha da cultivar a ser implantada em diversas condições de umidade do solo. Nesse contexto, objetivou-se avaliar as características fitométricas e produtivas de três cultivares de Brachiaria brizantha submetidas a tensões de água em Neossolo Flúvico . O experimento foi realizado em casa de vegetação na Universidade Federal de Mato Grosso, Campus de Rondonópolis-MT. O delineamento experimental foi em blocos casualizados em esquema fatorial 3 x 6, com três cultivares de Brachiaria brizantha (cv. Braúna, cv. Paiaguás e cv. Piatã) e seis tensões de água no solo (0, 10, 20, 30, 40 e 50 Kpa) em quatro blocos. As recomendações de adubação para fósforo, potássio e nitrogênio foram de 150 mg dm-3 de P2O5, 100 mg dm-3 de K2O e de 200 mg dm-3 de N, respectivamente, cujas fontes foram o superfosfato simples, cloreto de potássio puro para análise e uréia. Realizou-se três avaliações com cortes subsequentes em intervalos de 30 dias. As variáveis analisadas foram Leitura SPAD e número de perfilhos. O Índice SPAD diferenciou-se entre as cultivares de forma isolada nos três cortes. Os maiores valores de SPAD foram alcançados pela cultivar Piatã (53,35, 56,26 e 50,91) no decorrer cortes. Para as tensões o Índice SPAD apresentou efeito significativo na primeira e terceira avaliação, ajustando-se ao modelo quadrático de regressão. Os valores máximos de SPAD (54,55 e 50,01) foram verificados nas tensões de 23,9 e 19,11 Kpa, para o primeiro e segundo corte, respectivamente. Para o número de perfilhos maiores números observados foram nas tensões 23,56; 20,15; 0,03 Kpa, para o primeiro corte; 22,77; 22,17; 21,8 Kpa  para o segundo corte; 19,93; 20,05; 18,36 Kpa para o terceiro corte, referentes aos capins Braúna, Paiaguás e Piatã, respectivamente. A tensão de 20 Kpa foi a que proporcionou maiores valores de SPAD para as cultivares. A cultivar Braúna se destacou em número de perfilhos nas três avaliações, e obteve seu maior perfilhamento sob o tratamento com tensão de 20 Kpa.


Palavras-chave


Forragem, umidade do solo, Neossolo Flúvico.