Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
A ATUAÇÃO DA COMISSÃO DE ÉTICA ENTRE OS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DE MATO GROSSO.
Jackeline Rodrigues da Silva, Rita Eliana Mazaro

Última alteração: 05-10-18

Resumo


Introdução: Ética é um importante instrumento na vida das pessoas, manifesta-se através de ações e condutas humanas que corrobora para a convivência harmônica na sociedade. No entanto, muitos indivíduos desconhecem o poder da Ética no ambiente de trabalho, ocasionando vários conflitos com colegas. Constantemente, a sua falta atrapalha o desenvolvimento humano e suas interfaces com a saúde psíquica, sendo que as ações antiéticas praticadas pelos indivíduos, bem como, os conflitos interpessoais, são algumas das grandes problemáticas da sociedade atual. Objetivo: Conhecer as ações e estratégias adotadas pela Comissão de Ética no atendimento aos profissionais e resolução dos conflitos interpessoais e verificar se houve efetividade na educação ética promovida pela comissão. Método: Análise documental, entrevistas semiestruturadas e survey. Resultados: Defronte a situações conflituosas e desgastadas entre profissionais da educação, a Comissão de Ética da Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer atua, prioritariamente, na prevenção e resolução de conflitos interpessoais por meio de ações que  buscam o equilíbrio nas relações e a prevalência do convívio harmônico e saudável entre esses profissionais, buscando um clima favorável no ambiente de trabalho por meio de condutas corretas, legais e morais no dia a dia. Entre os profissionais da educação do Estado de Mato Grosso há um grande índice de desvios éticos, principalmente nas escolas estaduais, sendo uma realidade que atrapalha o ambiente laboral, adoece as relações interpessoais, ocasiona danos psíquicos e físicos, possibilita o afastamento desse profissional para tratamento de saúde, além de prejudicar o processo de ensino-aprendizagem dos alunos. A falta de Ética no ambiente de trabalho ocorre por desconhecimento ou descumprimento os princípios éticos e morais previstos no Código de Ética Funcional do Servidor Público Civil do Estado de Mato Grosso, instituído pela Lei Complementar n° 112/2002. Considerações Finais: É de suma importância que o profissional conheça o regramento ético para nortear as suas ações no ambiente laboral.

 

Palavras-chave: Comissão de Ética, Profissionais da Educação do Estado de Mato Grosso, Psicologia Organizacional e do Trabalho.


Palavras-chave


Ética

Referências


MATO GROSSO. Lei Complementar Estadual nº 112 de 01 de Julho de 2002. Institui o Código de Ética Funcional do Servidor Público Civil do Estado de Mato Grosso. Cuiabá, 2002. Disponível em <http://app1.sefaz.mt.gov.br/Sistema/Legislacao/legislacaopessoa.nsf/2b2e6c5ed54869788425671300480214