Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
FATORES AMBIENTAIS QUE INFLUENCIAM NOS PROCESSOS ECOLÓGICOS DE PEQUENOS ROEDORES NEOTROPICAIS
Lana Pavão Candelária

Última alteração: 25-10-18

Resumo


As espécies são distribuídas de forma desigual pelo globo terrestre, elas podem estar distribuídas espacialmente e/ou verticalmente nos ambientes nos quais estão inseridas. Os fatores ambientais locais, regionais e globais, como clima, pluviosidade, estrutura da vegetação, entre outros, podem interferir na distribuição de espécies. Os pequenos roedores são amplamente distribuídos, e mesmo que muitas espécies sejam generalistas quanto ao recurso alimentar, algumas possuem especificidade quanto ao uso do habitat. Adicionalmente, os roedores possuem seu papel ecológico na natureza agindo como predadores e dispersores de sementes, servindo como base da cadeia alimentar para outros vertebrados e agindo sobre a produtividade primária. O presente trabalho busca compreender como fatores ambientais afetam os parâmetros populacionais e a estrutura de comunidade de roedores na região neotropical. Será usado a escala de paisagem e a escala local para explicar as variações na abundância, migração, riqueza e composição de espécies. A tese será desenvolvida em três capítulos. O primeiro será uma cienciometria compilando as informações de artigos publicados na região neotropical e que investigaram o efeito de fatores ambientais sobre os processos ecológicos de pequenos roedores. O segundo capítulo busca compreender como fatores ambientais na escala da paisagem afetam a riqueza e composição de espécies de roedores na região neotropical. O terceiro capítulo avaliará o efeito de fatores ambientais de escala local sobre a ocupação de roedores em uma área de transição entre Amazônia e Cerrado que vem sofrendo pressão antrópica devido à expansão da fronteira do agronegócio. Como produto final é esperado que se compreenda como os fatores ambientais tem determinado os padrões de distribuição das espécies em diferentes escalas espaciais na região neotropical.