Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
Levantamento da composição florística de áreas de preservação permanente em processo de recuperação no município de Rolim de Moura- RO
ADEISANY STEPHANY RAMOS MACHADO DOS SANTOS, Maria Corette Pasa, Kenia Michele De Quadros Tronco

Última alteração: 22-10-18

Resumo


A preservação de ecossistemas ciliares é indispensável para manutenção de recursos hídricos. Desta maneira, o conhecimento da composição arbórea desses ecossistemas representa o primeiro passo em busca de sua preservação. Esta pesquisa teve por objetivo caracterizar a composição florística de áreas de preservação permanente em processo de recuperação, localizadas no município de Rolim de Moura/RO. Foram alocadas oito parcelas de dimensões de 20 x 30 m pelo processo de amostragem sistemático com distância de 750 m, as parcelas foram divididas em seis subunidades de 10 x 10 m. Foram inventariados todos os indivíduos com circunferência a altura do peito - CAP superior ou igual a 25 cm. A identificação das espécies ocorreu com auxílio de identificador botânico da região e material bibliográfico (chaves dicotômicas, comparações fotográficas de herbários virtuais, entre outros). Foram amostrados 289 indivíduos, pertencentes 62 espécies e 27 famílias. A família de maior representatividade da comunidade vegetal estudada foi a Malvaceae. Enquanto que as dez espécies de maior representatividade foram: Luehea grandiflora Mart. & Zucc. (Açoita a cavalo), Mangifera indica L. (Mangueira), Pseudolmedia laevis (Ruiz & Pav.) J. F. Macbr. (Pamã), Cariniana domestica (Mart.) Miers (Jequitibá branco), Gymnanthes klotzschiana Müll.Arg. (Branquilho do brejo), Schizolobium parahyba var. amazonicum (Huber ex Ducke) Barneby (Bandarra), Hevea brasiliensis (Willd. ex A. Juss.) Müll.Arg. (Seringueira), Inga sp. (Ingá), Licania heteromorpha Benth. (Macucú), Anacardium giganteum W. Hancock ex Engl. (Caju do mato). A composição florística da área estudada apresentou uma diversidade elevada e os dados obtidos podem fornecer informações científicas para nortear programas de recuperação de áreas degradadas.


Palavras-chave


Mata Ciliar; Amazônia; RAD; Rondônia.