Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
Programa de Apoio aos Dirigentes Municipais de Educação: articulações e interpretações
Pamela Jordana de Menezes

Última alteração: 20-10-18

Resumo


O Programa de apoio aos Dirigentes Municipais de Educação (PRADIME) objetiva, em linhas gerais, fortalecer e apoiar os dirigentes da educação municipal na gestão dos sistemas de ensino e das políticas educacionais. Com esse intuito, o mesmo foi viabilizado por meio de uma cooperação entre Ministério da Educação, União Nacional dos Dirigentes Municipais, Fundo das Nações Unidas para a Infância, Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, Organização dos Estados Ibero-americanos e Banco Mundial. Já em 15 de junho de 2012 é editada a Resolução nº 16, do Ministério da Educação/Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, que estabeleceu as orientações e diretrizes para transferência de recursos às Instituições Federais de Ensino Superior no âmbito do PRADIME. Tais instituições, dentre elas a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), ficaram responsáveis pela oferta de cursos de extensão e formação continuada, pela concepção e produção de material didático-pedagógico e a realização de estudos e pesquisas na área de Gestão Municipal de Educação. Dentre os cursos que são ofertados para os dirigentes municipais de educação e técnicos dos quadros permanentes lotados nas Secretarias Municipais de Educação pelas mencionadas instituições, encontra-se o curso de especialização

latu sensu que deverá vir ao encontro das necessidades percebidas na gestão dos sistemas de ensino, das políticas educacionais e dos profissionais de educação envolvidos na política educacional no âmbito municipal, conforme orientações da citada resolução. Para que uma Instituição Federal de Ensino Superior se torne parceira do programa em estudo, logo apta a receber assistência financeira para executá-lo, é necessário que a mesma apresente um projeto educacional que será analisado pela equipe técnica do PRADIME. Compreendendo que as políticas públicas educacionais não são imutáveis e estão sujeitas a reinterpretações, bem como o fato da UFMT ser uma das instituições parceiras do programa e, portanto, viabiliza a formação proposta pelo PRADIME, o principal objetivo dessa pesquisa se constitui em analisar como são expressos os significados do Programa de Apoio aos Dirigentes Municipais de Educação nos documentos elaborados pela UFMT que institui o curso de especialização Lato Sensu no âmbito do Programa. Para o alcance do objetivo proposto, optou-se pelo método denominado abordagem do ciclo de políticas, desenvolvido por Stephen J. Ball e seus colaboradores. Tal método propõe uma análise de todo percurso de formação de uma política pública, estabelecendo três contextos de análises: contexto da influência, contexto da produção de texto e contexto da prática. O estudo é realizado considerando que os citados contextos são inter-relacionados e não se constituem em etapas lineares, apresentando cada um arenas, grupos de interesses e embates. A análise inicial indica que o PRADIME é uma reformulação do antigo Programa de Apoio aos Secretários Municipais de Educação (PRASEM) e conta com a participação de muitos agentes internacionais na sua concepção, cada um, a sua maneira, procurou imprimir nesse programa o seu ponto de vista a respeito de educação e o objetivo desta.

Palavras-chave: Pradime. Políticas públicas. UFMT.



Palavras-chave


Pradime. Políticas públicas. UFMT.