Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, X Mostra da Pós-Graduação: Direitos Humanos, trabalho coletivo e redes de pesquisa na Pós Graduação

Tamanho da fonte: 
Selênio-hidróxi-metionina na dieta e seu efeito no desempenho e imunidade do tambaqui (Colossoma macropomum, CUVIER, 1818)
Celma Maria Ferreira, Janessa Sampaio de Abreu Ribeiro

Última alteração: 23-10-18

Resumo


O Objetivo deste trabalho será avaliar o efeito do selênio orgânico (Seleno-hidróxi-metionina - Se-OH-Met) no desempenho e imunidade do tambaqui (Colossoma macropomum, CUVIER, 1818) durante recria e engorda. Para isso, dois experimentos serão realizados. No primeiro experimento, 195 peixes (peso médio inicial de 15g) serão estocados em 15 caixas experimentais de 150 litros (13 peixes /caixa) e alimentados por 75 dias com ração formulada usando premix sem selênio e incorporada com Se-OH-Met (Selisseo®) em diferentes concentrações (0, 0,3; 0,6; 0,9 e 1,2 mg de Se-OH-Met /kg) (5 tratamentos x 3 repetições). Amostragens ocorrerão: no início do experimento (n=15 peixes) e aos 75 dias de alimentação com as rações experimentais (n=45). Em seguida, os peixes serão desafiados com transporte por 4 horas em sacos plásticos (60L) e amostragens ocorrerão no momento da chegada (n= 45); 24 horas (n= 45) e 1 semana após (n= 45). No segundo experimento, 840 peixes (peso médio de 200g) serão distribuídos 12 unidades de 133m2 (40 peixes/unidade) localizadas em viveiros escavados subdivididos com tela e serão alimentados por 270 dias com ração formulada usando selênio inorgânico (Selenito de sódio) e orgânico (Selênio-hidróxi-metionina - Selisseo®) nas duas melhores concentrações para desempenho definidas a partir do experimento 1 (3 tratamentos x 4 repetições). Mensalmente, serão realizadas biometrias de todos os peixes e amostragens ocorrerão: no início do experimento (n=12 peixes) aos 90, 180 e 270 dias de cultivo (n= 12 peixes/ tratamento). Em ambos os experimentos os dados de peso, medidas biométricas (comprimento total e padrão, largura e altura) e consumo de ração no período serão usados para avaliação do desempenho zootécnico (peso final, ganho de peso diário, ganho de biomassa, TCE, CAA, fator de condição). Para ambos os experimentos, em cada tempo de amostragem os peixes, serão submetidos à coleta de sangue e abate para retirada de tecidos (fígado e músculo). No sangue serão avaliados respostas metabólicas (proteína total e albumina), hematológicas (hematócrito, hemoglobina, contagem total de eritrócitos, volume corpuscular médio; contagem total e diferencial de leucócitos) e imunológicas inatas (burst oxidativo). No fígado serão avaliadas enzimas relacionadas ao estresse oxidativo e no músculo (filé) serão realizadas análise tecidual de selênio. Como resultados esperados pretende-se com este trabalho estabelecer para o ciclo de produção do tambaqui (Colossoma macropomum) as relações ótimas de Selênio orgânico na dieta para crescimento, parâmetros bioquímicos e imunológicos inatos e comparar a biodisponibilidade de selênio nos tecidos (músculo) a partir de diferentes fontes inorgânica (Selenito de sódio- SS) e orgânica (Se-OH-Met).

Palavras-chave


crescimento, enzimas oxidantes, estresse; piscicultura