Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, VIII Mostra de Extensão

Tamanho da fonte: 
Boletim Informativo Saúde e Cidadania
Anny Alice Anny Maniezzo, Hannah Krysttel de Lima Barrozo, Romero dos Santos Caló

Última alteração: 27-09-17

Resumo


O Boletim Eletrônico Informativo Saúde e Cidadania é um projeto de extensão executado pelo Núcleo de Desenvolvimento em Saúde, do Instituto de Saúde Coletiva (NDS/ISC), no âmbito da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Criado em 25 de abril de 2005, comemora em 2017 doze anos de existência. A ideia da criação do boletim nasceu devido a importância da informação, na perspectiva de expansão do conhecimento a respeito do Sistema Único de Saúde (SUS). Tem o objetivo de divulgar questões de interesse na área da saúde pública, com foco no estado de Mato Grosso, disseminando informações junto à profissionais, gestores, conselheiros, estudantes, docentes e participantes dos movimentos sociais da área da saúde, contribuindo para a socialização do conhecimento e troca de experiências entre a academia e a comunidade. Até setembro de 2017, em sua 353 ª edição, contava com uma base de dados de aproximadamente 6.500 assinantes cadastrados. As atividades desenvolvidas compreendem: reuniões ordinárias de equipe; pesquisa em sites e em outras fontes oficiais para a elaboração de clipping; redação de notícias; correção do texto em grupo; realização de entrevistas e cobertura de eventos; formatação do conteúdo e de imagens no programa de edição Publisher e envio quinzenal por meio eletrônico. Além disso, é feito o gerenciamento dos assinantes e o cadastro de novos e-mails. O boletim se destaca quanto à sua interdisciplinaridade na divulgação de informações pertinentes à política, educação, ciência e área da saúde, levando em consideração também os movimentos sociais. O projeto vem colaborando com o processo de formação dos acadêmicos do Curso de Graduação em Saúde Coletiva, visto que aborda informações pertinentes ao campo, buscando interligar as atividades à grade curricular, fortalecendo a relação ensino-extensão e desenvolvendo o trabalho em equipe, entre outros. Além disso, inspira o empoderamento de acadêmicos, profissionais e população acerca de seus direitos, pois, a medida em que obtém o acesso à informação, são capazes de lutar pelos mesmos. Portanto, conclui-se que o projeto vem sendo desenvolvido com êxito, a partir dos objetivos propostos, atuando como ferramenta de propagação de conhecimentos e comunicação na área da saúde.


Palavras-chave


Informação; Saúde; Comunicação.

É necessário inscrever-se na conferência para visualizar os documentos.