Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, VIII Semana de Psicologia da UFMT

Tamanho da fonte: 
Liga Acadêmica de Psicologia da Saúde e Hospitalar (LAPSiH): Formação, desafios e expectativas.
Bianca Sangalli de Andrade, Gabriela Pereira Mognon, Fabiane Espindola de Assis, Sue Ellen Ferreira Modesto Rey de Figueiredo

Última alteração: 28-06-19

Resumo


 

As ligas acadêmicas são entidades de grande abrangência formada por alunos de graduação, que proporcionam o desenvolvimento e aprofundamento teórico-prático de um determinado tema. Busca-se através do aperfeiçoamento acadêmico e pessoal ampliar o contato com a sociedade, contribuindo com a promoção de saúde e transformação social. (TORRES et al., 2008). A Liga Acadêmica de Psicologia da Saúde e Hospitalar (LAPSiH) tem como  objetivo de estudo o âmbito da saúde, com foco no contexto Hospitalar. A Psicologia da Saúde é um termo amplo que abrange o estudo e ações nos três níveis de atenção à saúde, esse campo busca compreender o comportamento humano no cenário da saúde e da doença, considerando dessa forma as variáveis psicológicas, culturais, socioeconômicas, biológicas e ambientais sobre o desenvolvimento e manutenção das doenças. (AZEVEDO e CREPALDI, 2016); A Psicologia Hospitalar consiste em um subcampo da Psicologia da Saúde, de acordo com Simonetti (2004), é a área de compreensão e cuidado sobre os aspectos psicológicos em volta do adoecimento, considerando que toda doença é permeada de subjetividade, toda e qualquer doença pode se beneficiar desse trabalho, essa área é considerada nova no Brasil. Portanto, percebe-se a exigência de muito empenho na busca de aperfeiçoamento, visto que a grade curricular do curso de psicologia não consegue atingir os níveis ideais de ensino e prática de atuação nesse contexto. Conforme aponta Costa et al. (2016) as ligas acadêmicas são um importante instrumento para suprir as lacunas que a grade curricular não é capaz de preencher, de maneira organizada esse grupo de acadêmicos se baseia em um estatuto que rege os objetivos, direitos e deveres dos membros, processos seletivos, formação e deveres da diretoria, além de direcionar às atividades que serão desenvolvidas com intenção de promover contato mais profundo com a comunidade em busca de aperfeiçoamento profissional e transformação social. Diante disso, surgiu o interesse pela formação da primeira liga do curso de Psicologia da Universidade de Cuiabá (UNIC). O projeto da Liga Acadêmica de Psicologia da Saúde e Hospitalar (LAPSiH) nasceu no segundo semestre do ano 2018 com as alunas monitoras do estágio de psicologia hospitalar que ao realizarem grupos de estudos sobre a temática do estágio viram nisso a oportunidade de criar algo com o objetivo de explorar e aprofundar seus conhecimentos sobre a Psicologia da Saúde e Hospitalar. Dessa forma, sob supervisão de docentes da universidade idealizaram e construíram o projeto da formação de uma Liga Acadêmica que se aprofundasse no tema proposto, com o objetivo primordial de construir um espaço que seja propicio à formação de profissionais com visão mais ampliada contribuindo com atividades de ensino, pesquisa e extensão que irão beneficiar não somente à comunidade acadêmica, mas também a comunidade em geral. O projeto foi implantado no primeiro semestre do ano de 2019, com seu primeiro grande desafio através da organizaçãodo I Simpósio da LAPSiH, na qual temas como maternidade, cuidados paliativos, transtornos alimentares e atenção à saúde mental foram tratados por profissionais experientes nos temas debatidos, sendo possível integrar saberes das áreas da medicina, nutrição, enfermagem, fisioterapia e psicologia. Dessa maneira, foi inaugurada a Liga Acadêmica de Psicologia de Saúde e Hospitalar, a LAPSiH. Ressalta-se um dos grandes diferencias da LAPSiH que é abertura de vagas para outros cursos além da psicologia (medicina, nutrição, enfermagem, fisioterapia, educação física, odontologia e serviço social), pois tem como objetivo uma abordagem multiprofissional da saúde. Através da implementação da Liga espera-se um maior aprofundamento sobre os temas de estudo, além de difundir no meio acadêmico mais informações sobre a área da Psicologia Hospitalar, que ainda enfrenta grandes desafios em sua atuação, principalmente no estado do Mato Grosso. Almeja-se também servir como incentivo aos demais aluno para que desperte o interesse na criação de outras Ligas Acadêmicas no curso de Psicologia, visto que é um área muito rica para projetos desse caráter, e através disso aumentar a qualidade da experiência acadêmica dos alunos.

Palavras-chave: Liga Acadêmica; Lapsih; Psicologia Hospitalar; Psicologia da Saúde.

 

Referencias:

 

AZEVEDO, A. V. S.; CREPALDI, M. A. A psicologia no hospital geral: aspectos históricos, conceituais e práticos. Estud. Psicol., Campinas, v. 33, n. 4, p. 573-585. 2016. Disponível em:<www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-166X2016000400573&script=sci_abstract&tlng=pt>.

COSTA, P. S. et al. Criação da liga acadêmica de psicologia da saúde comunitária da UFJF: Uma nova possibilidade para a graduação. Rev. PSIQUE, Juiz de Fora, v. 1, n. 2, p. 20-31. 2016. Disponível em:<https://seer.cesjf.br/index.php/psq/article/view/943>

SIMONETTI, A. Manual de Psicologia Hospitalar: o mapa da doença. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2004.

TORRES, A. R. et al. Academic Leagues and medical formation: contribution sand challenges. Translated by Philip Sidney Pacheco Badiz. Interface. Comunicação, Saúde e Educação [online], Botucatu-SP, v. 4, 2008. Selected edition.