Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, I Congresso Nacional para Salvaguarda do Patrimônio Cultural ​

Tamanho da fonte: 
Memórias Ecléticas: Casa Avelino Siqueira
Thyciane Joanil Garcia da Costa Leite

Prédio: Instituto Nacional de Pesquisas do Pantanal
Sala: Saguão Externo
Data: 04-10-2017 10:00  – 11:00
Última alteração: 18-09-17

Resumo


O presente artigo visa analisar as expressões do estilo eclético na cidade de Cuiabá, o onde foi predominante a partir da década de 1870, através do reconhecimento de suas características arquitetônicas e seus reflexos na sociedade da época. Para isso foi definido como principal objeto de estudo a Casa Avelino de Siqueira (antiga Gráfica Pepe), um típico exemplar cuiabano do estilo, que conjuga diferentes motivos ornamentais do passado com materiais e técnicas construtivas próprias de sua época. O trabalho parte de uma contextualização histórica do ecletismo considerando suas condicionantes econômicas e sociais na Europa, no Brasil e, mais especificamente, em Mato Grosso, em cuja capital a referida casa se situa. Para se entender os aspectos históricos e sociais que permeiam a obra estudada e suas transformações, apresenta-se a história da família Avelino de Siqueira em suas relações com a casa que hoje lhe empresta o nome. A pesquisa demonstra que a casa remonta ao período colonial e apesar das reformas que imprimiram características ecléticas em sua fachada, ainda é possível reconhecer elementos da arquitetura colonial original. A casa se encontra hoje completamente degradada e em situação de risco, apesar da sua relevância histórica e arquitetônica. Diante dessa realidade, a pesquisa espera contribuir para divulgação da sua importância como patrimônio a ser recuperado e preservado.