Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, Congresso de Pesquisa em Educação 2017

Tamanho da fonte: 
EVASÃO NOS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA UFMT CAMPUS DE RONDONÓPOLIS NO PERÍODO DE 2006 A 2015
Rosa Beatriz de Araujo, Cleiva Schaurich Mativi, Lindalva Maria Novaes Garske

Última alteração: 30-09-17

Resumo


Esta pesquisa buscou quantificar a evasão no curso de Ciências Contábeis do Instituto de Ciências Humanas e Sociais – ICHS, da Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT, Campus Universitário de Rondonópolis – CUR, além de ampliar a compreensão sobre os fatores que contribuem para o fenômeno da evasão. A partir do levantamento de dados junto ao setor de Registro Escolar da Pró-Reitoria de Graduação foi possível realizar uma análise estatística descritiva para estimar a taxa de abandono dos cursos, no período de 2006 a 2015, relacionando os ingressos e egressos dos cursos mencionados, bem como calculando, a partir desses dados a evasão, de acordo com a metodologia utilizada por Testezlaf (2010), que permitiu calcular a Taxa de Graduação, que relaciona o número total de alunos que ingressaram em um determinado período com o número total de alunos que se formou no curso no prazo estabelecido pela universidade e, a Taxa Anual de Abandono escolar, que relaciona o número de alunos que abandonaram o curso durante o ano letivo com o número total de alunos que ingressaram no curso no período. A Análise evidencia que a evasão no curso de graduação em Ciências Contábeis da UFMT/CUR embora abaixo da média nacional é elevada e merece a atenção dos educadores na investigação de suas causas.

Texto completo: PDF