Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, IX Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
BIOPROSPECÇÃO DE EXTRATOS DE FUNGOS ENDOFÍTICOS NA ATIVIDADE ANTIMICROBIANA E ATIVAÇÃO DE MACRÓFAGOS IN VITRO.
Bruna Arruda Soares Parpinelli

Última alteração: 29-09-17

Resumo


Os microrganismos patogênicos produzem toxinas capazes de combater as células de defesa como uma estratégia para a estabilização e proliferação em tecidos invadidos causando um quadro infeccioso.  Nesse sentido, há necessidade de descoberta de novas substâncias que possam atuar melhorando a resposta imunológica e/ou com atividade antibiótica.   Dentre as novas fontes de produtos naturais, os fungos endofíticos destacam-se como importante fonte renovável de compostos bioativos com potenciais para o desenvolvimento de novos fármacos mais eficientes. O objetivo deste trabalho foi testar o efeito dos extratos de fungos endofíticos para na atividade fagocítica em células RAW 264.7 contra a linhagem Escherichia coli (ATCC 25928) e a produção de espécies reativas do oxigênio (ERO). Foram utilizadas as concentrações inibitórias de 20% (IC 20) nas linhagens RAW 264.7. A ativação in vitro de macrófagos foi realizada com a linhagem E.coli (ATCC 25928) na concentração de 2,5x 107 bactérias/tubo. O efeito dos extratos em linhagens de RAW 264.7 na atividade fagocítica e na produção de Espécies Reativas do Oxigênio (ERO) foi realizada por citometria de fluxo. Os extratos Scytalidium cuboideum (C4) e Thielavia terrestris (C7) apresentaram um aumento da atividade fagocítica e produção de espécies reativas do oxigênio (ERO). Sendo que o extrato Thielavia terrestris (C7) merece destaque, pois apresentou um aumento de três vezes maior que o extrato Scytalidium cuboideum (C4). Ambos os extratos que apresentaram um efeito no aumento da atividade fagocítica e produção de espécies reativas do oxigênio em linhagens RAW 264.7 foram isoladas de raízes de Cyperus esculentus.