Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, XI Mostra da Pós-Graduação

Tamanho da fonte: 
Simulação de cenários de uso de rio visando enquadramento, outorga e cobrança.
AMANDA ROJAS DE QUEIROZ, Jhonatan Barbosa da Silva, Ibraim Fatin da Cruz

Última alteração: 07-10-19

Resumo


O aumento de demanda por água e o crescimento populacional acarretam, cada vez mais, a ocorrência de conflitos de interesses relacionados aos usos da água. Para tanto, a Política Nacional de Recursos Hídricos apoia-se em instrumentos que visão promover a gestão das águas. Contudo, há inúmeras dificuldades que atravancam a efetiva aplicação e regulamentação desses instrumentos. Em função disso, com a intenção de regular o uso, faz-se necessário, não apenas a regulamentação dos instrumentos previstos na Política, mas também o desenvolvimento de estudos que enfoquem tal temática, para auxiliar a execução dos instrumentos e gestão dos recursos hídricos. Nesse sentido, propõe-se o emprego de modelagem da qualidade da água de rios, aliada às equações de balanços quantitativos e de custos do uso da água. Essa aliança possibilita simular cenários futuros de usos da água, permitindo planejamento, gestão e gerenciamento, compatibilizado aos usos múltiplos da água. Sendo assim, busca-se por meio da modelagem matemática simular cenários de uso da água na Bacia Hidrográfica do Rio Cuiabá, um importante rio da capital, que possui amplo banco de dados. Almejando, com isso, a elaboração e condução de planos de ações e manual operativo dos usos múltiplos da água na bacia hidrográfica. Dessa forma, contribuindo, de maneira prática, no desenvolvimento de ferramenta para análise e aplicação dos instrumentos de recursos hídricos: Enquadramento, Outorga e Cobrança pelo uso da água, auxiliando à tomada de decisão em planos de recursos hídricos.

Palavras-chave


Gerenciamento de Recursos Hídricos. Modelagem Matemática. Planos de Recursos Hídricos. Qualidade da água.