Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, IV Semana Acadêmica de Sinop

Tamanho da fonte: 
Monitoria e uma nova experiência prática: relato de como alunos e professores podem melhorar o processo ensino-aprendizagem
Jonas Fallgatter, Rafaella Teles Arantes Felipe, Arthur Behling Neto, Carlos Vinicio Vieira

Última alteração: 04-10-17

Resumo


A monitoria em Fisiologia Vegetal foi desenvolvida com a finalidade de complementar os conteúdos teóricos e práticos ministrados em sala de aula. Na parte teórica da monitoria foram desenvolvidos questionários que foram resolvidos em grupo, os quais permitiram uma troca de ideias e de visões diferentes sobre o assunto em estudo. O monitor também atuou nas aulas práticas preparando antecipadamente soluções e vidrarias, além de acompanhar os alunos na coleta de dados obtidos fora do período de aula. Ademais, foi desenvolvida também uma atividade prática em grupo, a qual consistiu no cultivo de berinjelas em vaso. Cada grupo cultivou as plantas ao longo do semestre em vasos dentro da casa de vegetação existente no Câmpus. Durante o cultivo os alunos puderam observar diversas situações, como a incidência de pragas: mosca-branca, lagartas e lesmas; algumas doenças; respostas aos diferentes tipos de substratos, adubos e coberturas utilizados e, consequências do excesso ou falta de irrigação. Ao final da atividade, a maior nota foi obtida pelo grupo que produziu o maior fruto. Esse trabalho foi realizado com as turmas de Fisiologia Vegetal dos cursos de Zootecnia e de Agronomia e, contou ainda com a participação dos monitores de ambos os cursos. Os monitores acompanhavam diariamente um pequeno grupo de alunos no momento de irrigação e, nesse instante, já era realizado o monitoramento do desenvolvimento das plantas. Como foi a primeira vez que a desenvolveu-se essa atividade, os alunos puderam escolher o tamanho de vaso, tipo de substrato e forma de manejo, apenas a variedade foi a mesma para todos. Durante o experimento e na conclusão do mesmo discutiu-se os vários temas abordados em sala de aula teórica sobre os processos fisiológicos das plantas, onde foi possível observar na prática, a importância da disciplina Fisiologia Vegetal na formação dos alunos.  A ideia é que, a cada semestre, esse tipo de atividade seja aprimorada e realizada para tornar mais produtiva as aulas práticas de Fisiologia Vegetal, auxiliando desta forma, no processo ensino-aprendizagem. A monitoria teve bons resultados, como a experiência positiva relatada pelos alunos após o experimento da berinjela e o bom rendimento dos alunos que participaram das monitorias. Entretanto, teve problemas também. Apesar de várias atividades terem sido desenvolvidas, ainda assim, constatou-se que a assiduidade às monitorias foi baixa.

Palavras-chave: elaboração de novos experimentos; estudo extraclasse; observação das relações fisiológicos.