Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, IV Semana Acadêmica de Sinop

Tamanho da fonte: 
AUTOMATIZAÇÃO DOS PROJETOS DE EXTENSÃO DA UFMT
Daniel Queiroz Lagares, Tiemi Fukushima Neves, Sidney Ribeiro Andrade, Mario Mateus Sugizaki, Diogo Albino Queiroz

Última alteração: 04-10-17

Resumo


Muitos projetos de extensão são desenvolvidos anualmente pela UFMT, campus de Sinop, contribuindo para a atenção e prestação de serviços às comunidades. Nestes projetos, normalmente, a coleta das informações é realizada de forma manual através de anotações manuscritas em formulários ou em planilhas eletrônicas, gerando múltiplas bases de informações o que dificulta a padronização e a geração de relatórios de controle, acompanhamento e gestão. Com a proposta de automatizar as soluções utilizadas nos Projetos de Extensão, foi proposto este projeto afim de garantir a integridade e a segurança dos dados coletados, possibilitar crescimento do público atingido e melhorar a gestão e o acompanhamento. Para tanto, o projeto foi estruturado em 4 fases. Na primeira fase foi elaborado um documento com o detalhamento do processo realizado e com as funcionalidades que deveriam conter no sistema. Foram desenvolvidos protótipos para facilitar a comunicação entre as pessoas envolvidas no projeto e diminuir o risco de retrabalho. Na segunda fase foi construído o sistema incluindo as funcionalidades de cadastro, coleta das informações, controle de acesso através de login/senha e emissão de relatórios. Na terceira fase foram realizados os testes com o envolvimento dos alunos e professores. Por fim, na quarta fase foi disponibilizado o sistema para ser utilizado nos projetos. Na construção do sistema foram utilizados o banco de dados MySQL, a linguagem de programação PHP, a linguagem de marcação de texto HTML e a linguagem CSS, além disso, o sistema foi homologado para uso através dos browsers Google Chrome e Microsoft Edge. O sistema foi utilizado na 1ª etapa do Projeto Mexa-se em maio de 2017. Observou-se um aumento significativo no número de inscrições no evento (mais de 80%) em relação às edições anteriores, totalizando 2000 inscritos. Ainda, o sistema permitiu a disponibilização de relatórios que garantiu o acompanhamento em tempo real da quantidade de inscritos, do tempo de corrida e a classificação de cada participante. Em junho foi utilizada a solução implementada durante o Projeto De Olho no Futuro. Ao todo foram atendidas, aproximadamente, 220 crianças, sendo um número similar ao evento anterior, porém devido à eficiência possibilitada pelo sistema, o evento foi concluído antes do previsto. Assim, pode-se observar que a automatização dos Projetos de Extensão possibilitou uma melhor gestão, permitiu que fosse aprimorado o atendimento às pessoas e garantiu a disponibilização dos dados em tempo real, contribuindo positivamente para a execução dos projetos.

Palavras-chave: automatização; tecnologia; eficiência; integridade.