Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, IV Semana Acadêmica de Sinop

Tamanho da fonte: 
PROJETO OLÁ UFMT SINOP: o diálogo entre a universidade e comunidade.
fabio Martins De Almeida, Rogislaine Picon Barbon, Karolli Cristina Grandi de Freitas, Rosa Carolina Silva de Gouveia

Última alteração: 05-10-17

Resumo


O presente trabalho é um recorte do projeto de extensão Olá UFMT Sinop, coordenado pelas Tec. adm educ Rosa Carolina S.de Gouveia e Tainara Gabrille B. R. Camargo, que visa a troca de experiência entre a universidade e a comunidade, possibilitando uma maior interação, e a convivência entre elas, instigando a formulação de novas interrogações com as diferentes realidades sociais. O projeto surgiu, devido ao grande número de pedidos e solicitações de instituições de ensino públicas e privadas e sociedade em geral em visitar a universidade, constatou-se a necessidade de sistematização desta ação em criar um projeto e ter uma comissão específica para melhor recepcionar este público já que o campus da UFMT/ Sinop era uma referência para os alunos do município e da Região Norte de Mato Grosso. A dinâmica das visitas se davão a através de solicitações via e-mail e telefone, o qual os responsáveis das instituições preenchiam o formulário de solicitação no qual sugeriam locais de interesse de visitação como por exemplo: os laboratórios, biblioteca, restaurante universitário, centro de vivência, salas de aula, casa de vegetação, e locais de práticas de campo. Ao chegarem, os alunos participavam de uma palestra sobre a universidade e os cursos oferecidos, após os acadêmicos bolsistas do projeto ciceronear os estudantes ao laboratórios e locais da universidade conforme roteiro previamente estabelecido; para finalizar a visita eram realizadas dinâmicas de apoio mútuo. Durante o período de 2016/2 até 2017/1 obtivemos alguns resultados parciais que foram os seguintes: uma maior interação entre universidade e comunidade ultrapassando os muros da universidade utilizando-se das mídias sociais, percebemos a influência da palestra do projeto olá na escolha profissional desses estudantes visitantes, a procura de outros municípios em visitarem o campus, a participação dos acadêmicos bolsistas em eventos externos locais, e uma maior desenvoltura e amadurecimento dos mesmos. A representatividade amostrada no campus de Sinop durante o decorrer deste um ano de projeto totalizaram 7 municípios, 10 escolas, 7 públicas e 3 particulares e 846 alunos participantes. A importância da vivência acadêmica no projeto de extensão, viabiliza a interação da universidade junto a comunidade promovendo a troca de conhecimento e a construção de projetos futuros.

 

Palavras-chave: Comunidade, Universidade, convivência, interação.