Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, V SEMANA ACADÊMICA DE SINOP

Tamanho da fonte: 
Epidemiologia dos acidentes automobilísticos do município de Sinop-MT no primeiro semestre de 2017
Bruno Oliveira Rezende, Frederico Bussolaro, Magno Felipe, Talles Maffei, Diogo Ávila, Gilvan Gava, Islas Souza

Última alteração: 01-10-18

Resumo


A Organização das Nações Unidas (ONU) reconhece os acidentes de trânsito urbano como um sério problema de saúde pública em todo o mundo, em virtude de serem acompanhados por elevado índice de morbimortalidade. O Brasil está entre os países que lideram a mortalidade por acidentes de trânsito urbano. a cidade de Sinop por ser referência na macrorregião do norte do Estado de Mato Grosso, apresenta uma parcela importante do total de acidentes de trânsito com 38,44% do total de acidentes entre 2012 e 2016 no Estado de Mato Grosso. Objetivou-se no presente trabalho descrever o perfil das vítimas atendidas pelo serviço de resgate do Corpo de Bombeiros de Sinop-MT e das ocorrências por acidentes de trânsito, bem como sua distribuição a partir de uma análise espacial dos acidentes, e o tipo de seguimento médico assistencial a partir do atendimento das vítimas de acidentes de trânsito no Hospital Regional de Sinop-MT. Trata-se de estudo ecológico, desenvolvido a partir de dados secundários do Corpo de Bombeiros de Sinop-MT e Hospital Regional de Sinop-MT, referentes às ocorrências dos acidentes de trânsito urbano de 01 de janeiro a 30 de junho de 2017. Foi calculada a taxa de incidência do município (Taxa de Incidência: número de ocorrências/população exposta a cada 10.000 habitantes). Os dados colhidos do Hospital Regional de Sinop-MT proporcionaram estratificar as vítimas de acidentes de trânsito de acordo com seu seguimento de assistência médica, como ambulatorial ou cirúrgico. De acordo com os resultados foram atendidas 1.014 vítimas de 1001 acidentes de trânsito na cidade de Sinop-MT, o sexo masculino apresentou pequena predominância com 57,8% das vítimas, demonstrando uma razão de 1,36 homens para cada mulher, 53,15% na faixa etária de 25 a 64 anos. A Taxa de Incidência do município de Sinop foi de 72,46/10.000 habitantes. As motocicletas representaram 69,71% das ocorrências entre os meios de locomoção. O mês de maio apresentou maior concentração dos acidentes com 22,68%, cinco vias de Sinop-MT concentraram 9,6% dos acidentes, com a Av. André Maggi representando 3,4%. O seguimento assistencial foi composto por 79,38% ambulatorial e 20,62% cirúrgico. Conclui-se com o trabalho, que análise espacial dos acidentes de trânsito, realizada de forma inédita no município de Sinop-MT, proporciona ao Corpo de Bombeiros de Sinop-MT utilizar os resultados encontrados contribuindo com subsídios ao planejamento logístico, com o intuito de agilizar e aprimorar seu atendimento.


Palavras-chave


Acidentes de trânsito; Corpo de bombeiros; Análise espacial; Epidemiologia descritiva