Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, V SEMANA ACADÊMICA DE SINOP

Tamanho da fonte: 
Sistematização da assistência de enfermagem na consulta de enfermagem ao recém-nascido na atenção primária: proposta de um modelo atual
Daniela Ferreira de Souza, Priscilla Schirley Siniak dos Anjos Modes, Maria Aparecida Munhoz Gaíva, Thaís Pereira da Silva, Vanda Patricia da Silva Santos, Carla Alexandra de Souza Santos, Ilana Maria Coelho da Silva

Última alteração: 10-10-18

Resumo


A Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) é uma metodologia científica que organiza, qualifica e instrumentaliza o trabalho do enfermeiro, direcionando o processo de enfermagem às necessidades do recém-nascido (RN), proporcionando um cuidado humanizado, holístico e individual. É legalmente exigida sua implantação em qualquer instituição de saúde que o enfermeiro atue, sendo exigido dele um vasto conhecimento e percepção, para que seja capaz de utilizar o instrumento para atendimento ao RN e tenha maestria em colocar em prática o método de ação, demandando conhecimento técnico e científico. A Agenda de Compromissos para a Saúde Integral da Criança determina o cuidado ao neonato na primeira semana integral de vida por meio da consulta de Puericultura com instrumentos e métodos atualizados, que tem como objetivo avaliar o estado de saúde do RN, assim como a interação entre mãe e filho, orientar e apoiar a família para amamentação e cuidados básicos com o RN, orientar o planejamento familiar e identificar situações de riscos ou possíveis intercorrências para a adoção de medidas adequadas. Objetivou-se propor um modelo de instrumento atualizado para a consulta de enfermagem ao recém-nascido no âmbito da Atenção Primária. Estudo metodológico, construído entre os meses de maio de 2017 e agosto de 2018, por acadêmicos e docente de enfermagem, contando com contribuições de especialistas na área de neonatologia e pediatria e reformulado quando necessário para atender as demandas do projeto de extensão “Ninho de Cuidado: antes, durante e depois do nascimento” da Universidade Federal de Mato Grosso, câmpus de Sinop, cumprindo com o disposto na PNAISC, Agenda de compromissos para a saúde integral da criança e redução da mortalidade infantil e Primeira Semana Saúde Integral. O instrumento de consulta de enfermagem ao RN apresenta uma estrutura padrão composto pelos tópicos: Identificação; História Familiar; Dados do Recém-Nascido; Antecedentes Vacinais; Nutrição; Sono e Repouso; Eliminações Fisiológicas; Padrão de Higiene; Condições de Vida; Padrão de Valores e Crenças; Reflexos; Avaliação do desenvolvimento; Exame Físico; Resultados de Exames Laboratoriais e de Imagem; Problemas Levantados; Planejamento da Assistência de Enfermagem com Diagnósticos de Enfermagem; Orientações; Encaminhamentos/Agendamentos. A utilização do instrumento de consulta durante o atendimento colaborou para que o acadêmico de enfermagem tivesse uma visão mais holística e integral, ofertando uma assistência qualificada e sistematizada. Além do mais, possibilitou a construção de diálogos na sala de consulta com as mães, que tiveram a oportunidade de manifestar suas opiniões, pensamentos e dúvidas sobre a maternidade.

Palavras-chave


Enfermagem no Consultório; Cuidado da Criança; Recém-Nascido; Processo de Enfermagem; Saúde da família.