Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, Cuiabá 300 anos - Debates sobre educação, pesquisa e inovação

Tamanho da fonte: 
DO ENSINO AGRÍCOLA AO ENSINO MÉDIO INTEGRADO NA REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO DE MATO GROSSO: CONTRADIÇÕES HISTÓRICAS
Rose Márcia da Silva

Última alteração: 15-08-19

Resumo


O presente artigo tem por objetivo historicizar as transformações ocorridas do ensino agrícola ao Ensino Médio Integrado (EMI) no Brasil, e particularmente no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT). Apresentamos o contexto histórico na transição do Ensino Técnico Agrícola ao Ensino Integrado, como foi sendo constituída a disposição agrícola na Rede Federal de Educação em Mato Grosso e qual o posicionamento político do IFMT, em seu documento orientativo da prática pedagógica, diante a realidade contraditória do contexto econômico, político e social. O EMI é apresentado como uma mediação prática e necessária na transição para a uma escola única para a juventude, que tem a politecnia e a formação omnilaterial como princípio formador.
Palavras-chave: Política Educacional. Ensino Médio Integrado. Ensino Agrotécnico. Rede Federal de Educação. IFMT.