Sistema de Eventos Acadêmicos da UFMT, SEMINÁRIO DO ICHS – Humanidades em Contexto: saberes e interpretações (2014)

Tamanho da fonte: 
EDUCAÇÃO E GENERO EM CONTEXTO DE PRIVAÇÃO DE LIBERDADE:UMA EXPERIENCIA NA PENITENCIÁRIA FEMINININA DE CUIABÁ
Jane MARIA da Silva N. Medeiros, Maria da Anunciação P. Barros Neta

Última alteração: 18-07-17

Resumo


Conforme informações do Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN) o número de mulheres presas vem aumentando no ultimo triênio, esse aumento levaram os estados a se preocuparem com políticas públicas para mulheres em privação de liberdade, sendo a educação seu principal foco. Tomando por base o campo na qual se instaura a pesquisa do mestrado em Educação, sobre Mulheres em privação de liberdade: uma análise de suas vivencias e perspectivas de emancipação. Podemos dizer que foi feliz a escolha da temática considerando a relevância, ou seja, a Educação em prisões em uma perspectiva de gênero.  Com experiência já alguns anos no Sistema Penitenciário de Mato Grosso, acompanhamos alguns avanços que paulatinamente vem acontecendo em torno da educação em prisões, o que nos fez escolher a Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May em Cuiabá/MT. Com objetivo de descrever as experiências, os processos educativos vivenciados no contexto da prisão, em uma perspectiva de gênero buscou através da pesquisa qualitativa uma análise fenomenológica, das vivencias e sociabilidades no cárcere; os seus desejos e expectativas quando inseridas na prisão, os meios para chegar à emancipação. Trazemos uma reflexão inicial sobre questões inerentes a Educação para Mulheres em privação de liberdade e perspectivas de emancipação humana e social e como a educação em suas mais diversificadas formas pode contribuir neste processo.


Palavras-chave


Educação; Gênero; Direitos Humanos

Texto completo: PDF